+55 16 3945-2732
Aceitamos financiamento BNDES
02/04/2015

CM Capital diz que dado da indústria veio acima do esperado

voltar
Imagem: SXC
O resultado da produção industrial em fevereiro, que caiu 0,9% ante janeiro, veio melhor que a queda de 2,3% esperada pela CM Capital Markets, mas a economista Jéssica Strasburg aponta para a forte revisão do dado do mês anterior, que passou de +2,0% para +0,3%. O número de fevereiro veio dentro das expectativas dos analistas ouvidos pelo AE Projeções, que iam de queda de 2 50% a crescimento de 0,40%, e melhor que a mediana, de -1,70%.

Segundo Jéssica, a retração na produção industrial foi puxada pelos bens de capital, que tiveram retração de 4,1%, na margem, com destaque para metalurgia e segmentos correlatos. Na comparação com fevereiro de 2014, o indicador mostra queda de 25 7%, a maior contração anual desde abril de 2009.

Na avaliação da economista, os empresários industriais estão esperando para ver se o governo está "falando sério" com as medidas de ajuste fiscal. "Muitas das medidas de recomposição de impostos devolvem alguma competitividade para a indústria, ao igualar as condições dos setores. O governo está fazendo de tudo para recuperar a credibilidade e incentivar os investimentos, mas o empresário está esperando para ver antes de tomar alguma atitude", aponta.

Jéssica diz que a CM Capital espera crescimento zero da produção industrial este ano, confiando na recuperação da confiança liderada pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy. Por enquanto, o dado de fevereiro sozinho não deve fazer com que essa projeção seja alterada.


Fonte: Diário de Pernambuco, com informações da Agência Estado